Como calcular o ROI na comunicação interna? - Cucas
59308
single,single-post,postid-59308,single-format-standard,qode-core-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,pitch-ver-1.2, vertical_menu_with_scroll,smooth_scroll,grid_1300,blog_installed,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.1,vc_responsive
Advertising department brainstorming at modern office boardroom behind closed doors, view through the glass wall. Diverse staff led by ceo discussing new project sharing ideas thoughts and sales pitch

Como calcular o ROI na comunicação interna?

A comunicação interna tem potencial para gerar retorno financeiro às empresas, pois atende a objetivos muito específicos das organizações, como elevar a produtividade, reduzir o absenteísmo, ampliar o volume de vendas, entre uma série de outros propósitos. E é possível avaliar o retorno sobre o investimento (ROI, do termo em inglês return on investiments) feito na área.

Para calcular o ROI das ações de comunicação interna é fundamental ter um bom acompanhamento de métricas capazes de identificar os resultados alcançados. Mais importante ainda é conhecer bem as estratégias desenvolvidas e entender quais efeitos a campanha de comunicação deve atingir e como podem ser interpretados para avaliar o retorno gerado.

Neste artigo, abordamos os melhores mecanismos para que você consiga mensurar o ROI das ações de comunicação interna. Confira!

Importância do ROI na comunicação interna

Toda atividade realizada em uma empresa requer investimento e, portanto, deve prever algum retorno. Isso vale para tudo no universo das organizações, desde as operações mais essenciais do negócio aos projetos mais ousados. E, claro, isso vale também para as ações desenvolvidas para comunicação interna.

A avaliação do ROI dos investimentos que estão sendo feitos em endomarketing favorece a tomada de decisões da área, tanto em relação aos investimentos mais promissores para gerar os resultados desejados quanto para monitorar o impacto das ações realizadas.

Imagine uma fábrica que tem uma alta taxa de acidentes de trabalho, mesmo fornecendo equipamentos de proteção individual (EPIs) e repassando orientações quanto às medidas protetivas. Uma campanha de comunicação interna pode contribuir para a redução de acidentes, utilizando diferentes canais, ferramentas e métodos para informar os trabalhadores.

Espera-se que o investimento feito nessa campanha gere o retorno financeiro, mas esse resultado pode ser avaliado de diferentes maneiras. A análise mais simples a se fazer é relacionada ao número total de acidentes de trabalho. Se antes do início da campanha, aconteciam 25 acidentes de trabalho por mês para um total de 500 funcionários, então, a taxa de acidentes de trabalho inicial era de 5%.

Com a divulgação da campanha, o número de acidentes reduziu para 10 ao mês, reduzindo, assim, a taxa que antes era de 5% para 2%. As ações de comunicação interna, portanto, geraram resultado esperado, mas esse dado ainda não é suficiente para dimensionar o retorno do investimento feito. O ROI é uma métrica de avaliação financeira que depende da comparação entre valores de custo e de receita para determinar a rentabilidade de um determinado investimento.

No exemplo mencionado, é preciso identificar outro dado relacionado a acidentes de trabalho que permita a comparação entre o que foi investido e a receita que a empresa obteve a partir desse investimento. Uma opção é calcular o valor médio que a empresa perde com os acidentes de trabalho por mês em decorrência dos afastamentos e de outros custos associados aos acidentes. Supondo que a empresa registre um prejuízo médio de R$ 10 mil por mês para cada acidente de trabalho, então, podemos constatar que, antes da campanha de comunicação interna, tinha um custo médio de R$ 250 mil por mês (R$ 3 milhões ao ano). Com as ações realizadas, esse prejuízo caiu para R$ 100 mil. Dessa forma, a fábrica está deixando de perder R$ 150 mil por mês ou R$ 1,8 milhão por ano. E aí já temos um dado que pode ser usado na apuração do ROI.

O outro valor necessário é o do investimento. Considerando que a campanha tenha custado à empresa R$ 300 mil, ela terá obtido um retorno de 500% sobre o valor investido. Na sequência vamos exemplificar como o cálculo foi feito!

A fórmula utilizada para calcular o ROI é padrão e pode ser aplicada para qualquer avaliação financeira. A equação utilizada é a seguinte:

 

ROI = (receita – custo) x 100

custo

 

Aplicando o exemplo à fórmula:

  • Receita = 1.800.000
  • Custo = 300.000

 

ROI = (1.800.000 – 300.000) x 100 = 500%

300.000

 

Ou seja, a fábrica obteve um retorno cinco vezes maior do que o foi investido. E esse dado é muito mais relevante do que observar apenas a redução no número total de acidentes de trabalho.

Vantagens de calcular o ROI no endomarketing

O ROI é um indicador recomendado para tomada de decisão em relação aos investimentos, devendo ser usado não apenas para verificar o retorno obtido com uma determinada ação já realizada, mas, principalmente, para identificar melhores opções de investimento no presente. É sempre recomendado prever o retorno possível das ações a serem executadas.

No exemplo citado, caso a empresa tenha feito uma previsão de reduzir a taxa de acidentes de trabalho de 5% para 3%, então, sabemos que esperava ter um número máximo de 15 acidentes por mês, reduzindo o prejuízo mensal de R$ 250 mil para R$ 150 mil, poupando, assim, R$ 100 mil para os cofres da organização (totalizando R$ 1,2 milhão).

Tendo essa análise como referência, a fábrica pode comparar o custo de diferentes campanhas e até de fornecedores para identificar qual é a melhor opção para o seu negócio. Esse tipo de avaliação pode ser aplicado a outras situações envolvendo resultados em comunicação interna, sendo ainda mais recomendada para altos investimentos.

Na hora de disputar recursos com outras áreas, é importante saber calcular o ROI da comunicação interna para demonstrar o potencial de retorno que a área pode gerar para a empresa.

Gostou de saber como calcular o ROI da comunicação interna? Então, continue acompanhando nossos artigos. Siga a Cucas no Facebook, no LinkedIn e no Instagram para não perder conteúdo!

Precisa de uma agência para o endomarketing da sua empresa? Vamos conversar!



Cucas Conteúdo Chat
Conversar no WhatsApp